Na linha de frente pela defesa dos direitos do Estado do Rio sobre a produção de petróleo, a deputada Clarissa alerta STF que indenizações compensatórias não são passíveis de divisão com estados não produtores. Clarissa e os demais membros da Frente Parlamentar em Defesa dos Municípios Produtores de Petróleo estiveram com o Ministro Marco Aurélio para tratar da questão a ser julgada no ano que vem pelo STF.

Matéria veiculada sobre o tema:

http://www.nfnoticias.com.br/noticia-18057/wladimir-garotinho-diz-para-ministro-do-stf-que-a-lei-que-divide-os-royalties-e-inconstitucional